ESPINHAS – Tratamentos caseiros

Quem nunca entrou em desespero quando estava a algumas horas de uma festa muito importante, e ao olhar no espelho tinha uma espinha horrível no rosto? Pois é, isso infelizmente é muito comum, já que elas não surgem somente na adolescência.

Quando for tratar o problema com cosméticos, a substância mais indicada é a isotretinóina, que é um tipo de ácido retinóico que ajuda a regular a produção das glândulas sebáceas, reduzindo a oleosidade da pele e ajudando a minimizar a inflamação da região.

Quem sofre com a acne também deve utilizar diariamente um sabonete líquido com enxofre ou triclosan.

É possível amenizar um pouco o problema das espinhas com alguns tratamentos caseiros.

Uma excelente sugestão é aplicar diariamente uma máscara caseira preparada com arroz e mel, para preparar essa máscara é preciso duas colheres de arroz cozido e “empapado” e uma colher de sopa de mel. Ferva o arroz em bastante água, sem adicionar temperos. Acrescente para cada colher de sopa de papa de arroz, uma colher de sopa de mel.  Coloque no liquidificador até que vire uma pasta e fique fácil de aplicar. Ela pode ser aplicada no rosto ou nas costas e deve agir por aproximadamente 15 a 20 minutos, após este procedimento lave o rosto com sabonete líquido hidratante e água fria. O horário mais indicado para aplicação é durante a noite, pois a pele está mais receptiva à hidratação e tratamentos.

Outra opção de tratamento caseiro é aplicar chá de bardana na pele. Para o preparo do chá é necessário 2 colheres (de chá) da raíz da bardana seca ou fresca e 500ml de água fria. Coloque a raiz da bardana cortada em pequenos pedaços na água fria e deixe descansar por 6 horas. Depois de estar de molho, leve ao fogo e ferva durante 1 minuto, contado após a água ferver. Use a solução após estar coada, lavando a área afetada de 2 a 3 vezes ao dia, ou apenas aplique o chá sobre a espinha inflamada com auxílio de um algodão. Além disso, tome uma xícara do chá de bardana, duas vezes ao dia.

(Sugestão de tratamentos caseiros foram retiradas do site www.tuasaude.com)

Deixe uma resposta