ESTRIAS – Causas, prevenção e tratamento

As estrias são cicatrizes causadas pela ruptura das fibras elásticas e de colágeno. Ela inicia com um processo inflamatório, surgindo assim as linhas vermelhas. Depois o organismo produz um colágeno mais espesso e a marca fica semelhante a uma cicatriz com coloração perolada, e a melanina que dá cor a pele, desaparece.

Algumas pessoas desenvolvem estrias com mais facilidade, mesmo com pouca distensão da pele, outras não desenvolvem nem durante a gravidez. As estrias vermelhas ou arroxeadas são mais fáceis de tratar, pois são mais recentes.

Alteração de peso (engordar ou emagrecer de forma rápida e excessiva), problemas hormonais (aumento da produção de estrógeno e progesterona), genética (elasticidade e resistência da pele) e a gravidez podem contribuir para o surgimento das estrias.

Para preveni-las é ideal manter o corpo bem hidratado sempre, beber em média 2 litros de água por dia, fazer hidratação com cremes e loções hidratantes (principalmente os ricos em colágeno, elastina, lipossomas, uréia e óleos vegetais), praticar exercícios físicos, evitar o excesso de doces e gorduras, e ter uma alimentação saudável, ingerindo frutas e vegetais frescos.

Para o tratamento há várias opções, aí vão algumas delas:

Laser fracionado + subcisão (para as estrias brancas, largas e profundas), radiofrequência, laser fracionado, peeling de cobre + intradermoterapia, carboxiterapia (para as estrias brancas, superficiais e estreitas), infravermelho + ácido retinoico, luz intensa pulsada + ácido retinoico, peeling de cristal + ácido retinoico, vitamina C + luz intensa pulsada (para as estrias vermelhas e arroxeadas).

 

Deixe uma resposta