MÁ DIGESTÃO – Saiba como evitar

Sensação de estômago pesado, gases, azia e sonolência são sintomas que você provavelmente já sentiu pelo menos uma vez, mesmo tendo uma dieta equilibrada. Separamos uma lista de atitudes que favorecem a má digestão:

RESPIRAR PELA BOCA – Pessoas com problemas respiratórios geralmente respiram pela boca. Mas ao adotar esse hábito enquanto comemos, facilitamos a entrada de ar para o estômago, causando gases. Ao utilizar canudinhos também sugamos a bebida, e trazemos o ar para dentro do corpo.

1

FUMO E ÁLCOOL – A nicotina (substância que contém no cigarro), quando entra na corrente sanguínea, também vai para o sistema digestivo, e provoca a diminuição da contração do estômago, o que dificulta a digestão.  E quando ingerimos bebidas alcoólicas, o álcool é rapidamente absorvido pelo nosso sistema gastrointestinal, irritando as mucosas do esôfago e estômago e alterando as membranas do intestino, o que prejudica a absorção dos nutrientes. O pâncreas, responsável pela fabricação de insulina e enzimas digestivas, também é afetado com o uso de álcool.

2

COMER MUITO RÁPIDO – Assim não mastigamos direito e não damos tempo suficiente ao nosso cérebro para perceber o que estamos comendo. Cada refeição deve ter pelo menos 20 minutos, que é o tempo médio que o intestino leva para liberar o hormônio que ativa o centro de saciedade do cérebro.

3

ROUPAS APERTADAS – O uso de roupas muito apertadas pode apertar o estômago e obrigar a comida a voltar para o esôfago. Após as refeições o estômago dilata por causa da produção de ácidos gástricos, e a pressão das roupas nessa região facilita no surgimento de azia e refluxo.

4

BOCA SECA – A saliva é parte importante do processo de digestão, pois é ela que inicia esse processo. É através dela que são liberadas as primeiras enzimas que ajudam na trituração dos alimentos, além de ajudar a eliminar as bactérias da boca, prevenindo contra cáries e outras doenças. Para evitar secura da boca, é ideal beber bastante água, mascar gomas ou chupar balas sem açúcar e evitar bebidas com cafeína.

5

MANIAS À MESA – Dependendo da forma que nos posicionamos, os órgãos do sistema digestivo se comprimem, dificultando o processo digestivo, causando a má digestão. Por isso, comer deitado ou em qualquer posição que não seja ereta afeta diretamente a digestão. Outra mania é falar enquanto comemos, isso pode aumentar a entrada de ar durante a refeição, causando gases.

6

LÍQUIDOS DURANTE A REFEIÇÃO – Tomar um copo de suco de até 150ml não interfere na digestão e pode até facilitar o processo de mastigação, porém o problema está nos excessos. As bebidas gaseificadas devem ser evitadas, pois causam dilatação do estômago, fazendo com que ocorra uma maior ingestão de comida, o que prejudica o processo digestivo.

7

JEJUM PROLONGADO – Quando uma pessoa fica sem comer, o ácido gástrico produzido normalmente pelo estômago se acumula e pode refluir, irritando o final do esôfago e causando a azia. O ideal é comer de 3 em 3 horas, pois assim o sistema digestivo se mantém em funcionamento, sem sobrecarga na produção de ácido gástrico.

8

SONO INADEQUADO – Tirar um cochilo após as refeições, pode ajudar na digestão.  O ideal é repousar com a cabeça levemente inclinada para cima, pois ficar completamente deitado pode favorecer o refluxo e até atrapalhar na digestão.  A soneca deve durar apenas alguns minutos, pois ao entrar em sono profundo, o metabolismo fica mais lento. Se você quiser dormir, o ideal é esperar de duas a três horas após a refeição.

9

ERROS AO PRATICAR EXERCÍCIOS FÍSICOS – Após se alimentar, é fundamental esperar cerca de duas horas (tempo que leva para uma digestão completa da refeição) antes de praticar alguma atividade física. É normal nos sentirmos mais cansados ou com dificuldade de concentração após comer, por isso, também  antes de trabalhar, estudar ou realizar qualquer outra atividade que exige concentração é ideal esperar 15 minutos.

10

Deixe uma resposta